sexta-feira, 18 de setembro de 2015

TUDO EVOLUI









"Old Indian Woman"

de tempos em tempos costumava visitá-la; ia a sua tribo para escutar suas histórias.
no dia em que fez 107 anos, fui a seu teepee. estava nervoso, e lhe disse;

"roubaram nossas Terras."
e ela, "porque a terra não era realmente nossa."

eu, "eles deram à nossa gente cobertas com vírus da varíola."
e ela, "que nos ajudou a sobreviver a um dos piores invernos que tivemos."

eu, "eles não respeitaram os tratados."
e ela, "era somente papel."

eu, "eles espantaram os búfalos para nos matar."
e ela, "e nossos espíritos voaram e se tornaram águias e gaviões."

eu, "e então eles mataram nossos chefes."
e ela, "e eles se tornaram nossos ancestrais."

estava visivelmente irritado; ela me sorriu e falou,
"eu costumava alimentar o ódio, como você. hoje, não alimento mais."

a beijei; ela passou suas mãos ásperas por meus olhos, secou minhas lágrimas, e sussurrou, "tudo evolui."

na próxima lua fui visitá-la; ela havia partido e se tornado nossa ancestral.

(história narrada por um velho índio Lakota, escrita pelo Dr. em Antropologia da Universidade de Oklahoma James Cooper)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Nobre

flores do cerrado - google Aquele que é inofensivo, que não fere nem causa ou incentiva a morte de qualquer ser, fraco ou forte, ...