quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Causas e condições



Nós criamos causas e condições. Somos os produtores, os atores, os diretores, os roteiristas desse grande espetáculo que é a nossa vida, a vida do planeta, do universo, de tudo o que existe.

Quando cada um de nós atua no melhor de seu potencial – não de qualquer jeito, mas fazendo o que é correto, fazendo o seu melhor; não para dizer que somos o bom, mas o melhor para que todos possam se manifestar no melhor de seu potencial –, contribuímos para uma vida de harmonia, beleza, ternura, amor. O importante não é o que ganhamos, mas com o que podemos contribuir. Isso é a transformação.
(Monja Coen)

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Não existe nem falta, nem felicidade, nem perda, nem ganho.
Na paz dessa perfeição absoluta, não temos de procurar coisa alguma.

(O Canto do Satori Imediato - Yoka Daishi - Ed. Pensamento)

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Se chamarmos a Paz ela virá. Através da própria Paz.
Se chamarmos a Compaixão ela virá. Através da própria Compaixão.
Se chamarmos a Verdade ela se manifestará. Através da própria Verdade.
 

(Monja Coen)

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

O que mais é preciso dizer?
Os infantis trabalham em seu próprio benefício, os budas trabalham em benefício dos outros.
Olhe só a diferença entre os dois!
Se eu não trocar minha felicidade pelo sofrimentos dos outros, nunca atingirei o estado búdico.
E mesmo no samsara jamais terei verdadeira alegria.
(Shantideva, A Guide to the Bodhisattvass way of life - Boodhicaryavatara - traduzido por Stephen Batchelor)