segunda-feira, 4 de junho de 2012

O zen é simplesmente zazen

O zen é simplesmente sentar-se, o Zen é simplesmente zazen.

Para muitos, o Zen é uma religião da Ásia entre tantas outras mas, se cresceu no seio da mais antiga tradição budista, é como a água viva que jorra sempre fresca, sempre renovada. Sempre atual, sempre vivo, recria-se a cada instante. O Zen não é raciocínio, nem teoria, nem idéia. Não é conhecimento que se possa apreender através do cérebro, é tão-somente uma prática. Essa  prática é zazen, meditação, o ato de sentar-se com perfeição, recriação de si mesmo e compreensão do verdadeiro eu; não é nem austeridade nem mortificação; é o verdadeiro acesso à paz e à liberdade.

A verdadeira revolução, a do nosso espírito, gerada pela prática do Zen, filosofia profunda cuja essência não podemos atingir só pelo pensamento lógico, orienta-se para o interior.

O Zen outra coisa não é senão a prática de zazen; Zen significa concentração do espírito e Za: sentar-se

(Taisen Deshimaru)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Combatendo a resistência

Um profissional Certa vez, alguém perguntou a Somerset Maugham se ele  escrevia segundo um horário ou somente quando lhe vinha a  ins...